quarta-feira, 2 de julho de 2008

I'll fly with you


"Amanha.. continuarei a precisar do teu sabor do teu cheiro e do teu gosto.
Amanha... estarei aqui de novo para te esperar, sentada no vazio deste meu jardim sem flores ou qualquer força viva que lhe dê luz."

¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨


Arrancado do meu blog, apenas para me lembrar da importância que tem este enorme sentimento.

3 comentários:

Flavia disse...

Olá, achei seu blog por acaso.Achei as suas postagens bem sacadas e inteligentes. Li algumas delas. Gostaria de comentar algumas que vi. E também te convidar para aparecer no meu blog. Acredito que talvez vc estranhe um pouco, porque meu blog é cor de rosa. Pois é sou uma menina cor de rosa.Sou um paradoxo, sou doce que nem açúcar e ao mesmo tempo maluca, com ideias bem particulares. Mas enfim, passe lá se quiser me conhecer melhor. Li a postagem da Maconha e concordo muito com vc, tenho muitas pessoas próximas que se acham o máximo por que fumam cigarro e maconha e por mais que eu fale , aponte, critique me parece que faz com que elas se achem mais especiais por serem ''liberais'' e fazerem o que bem entenderem com o próprio corpo. O que irrita é que eles estão sempre fedidos, poluem o ambiente, de duas formas,primeiro fumando e depois jogando a bituca de cigarro no chão, sim, porque quando eles estão na rua, jamais eles procuram um apagador de cigarros ou ficam segurando a bituca até um lixo mais próximo. E nós que somos fumantes passivos, as vezes nos prejudicamos mais do que eles. Quantas vezes já fiquei doente por fumarem do meu lado, tenho rinite. E já peguei trem aqui em São Paulo, no qual eles fumam dentro do trem. E incentivar o tráfico é algo que pra eles aparentemente não importa.'' Eu não moro na favela mesmo.'' ''Não sou vitima direta do tráfico.'' Enfim.
A outra postagem que li, foi aquela do auxilio que o governo dá.
Acho que concordo com vc em alguns pontos e discordo em outros. O problema é que as coisas são lançadas para a população de uma forma equivocada. Por exemplo aquele sistema de progressão continuada criada pelo governo era pra reduzir a taxa de evasão escolar. Mas era pra acompanhar o aluno pra que ele tivesse essa progressão, só que virou passar de ano automaticamente, logo, estão todos ficando cada vez mais burros e os professores estão cada vez mais desmotivados, porque não precisa se esforçar para fazerem seus alunos aprenderem, uma vez que no final do ano todos vão passar mesmo.( sacudida de ombros como não to nem aí.) E o que o brasileiro precisa talvez realmente não seja de uma bolsa auxílio qualquer coisa e sim de uma oportunidade igualitária para todos. Para que isso acontecesse o capitalismo absoluto também não funcionaria, porque dessa forma essa desigualdade social continuaria até o final dos tempos. Porque veja bem, quantos Ainstens não devem existir na favela, mas foram obrigados pelos pais a pararem de estudar pra trabalhar pra sustentar uma família de 8 irmãos.A minha mãe por exemplo teve uma infância muito pobre e só conseguiu ir até a quinta série porque teve que trabalhar para ajudar a família, não foi obrigada a parar, mas chegou um momento em que não havia outro jeito. No entanto ela tinha ganhado até a sua quinta série, premios pela melhor redação entre escolas e tinha um vocábulario cultissimo e me ensinou a ler dos 4para os 5 anos, logo eu entrei no pré e já sabia ler. Os professores duvidavam, achavam que eu estava mentindo e que na segunda série quando já escrevia poemas com 4 estrofes e rimas perfeitas, eu provavelmente havia copiado de algum lugar e nem imaginavam que a minha mãe que tinha feiro até a quinta série já tinha me apresentado poemas. No entanto sou uma pessoa normal, nem mais e nem menos inteligente que ninguém. Até hoje, por exemplo, não sei fazer um exercício se quer de física, porque nunca consegui aprender. Enfim, imagina se talvez a minha vó que não era uma pessoa mercenária como muitos que sei tem por aí, tivesse essa bolsa para manter minha mãe na escola, aonde ela teria chegado.Uma vez um cobrador de uma lotação que conversava comigo, me disse que ele tinha uma facilidade com a matemática espantosa, tipo aquele cara do filme ''Uma mente brilhante'', e ele era um cobrador de lotação, porque não teve incentivo. Sim a bolsa é o mesmo que dar os peixes, concordo. Mas então precisamos de uma outra solução. Quem sabe acabar com as escolas particulares, que desigua-la o aprendizado das crianças, com um reflexo claro no futuro. E claro que as pessoas que podem pagar pros seus filhos estudarem vão se revoltar, porque a intenção deles é que o filho dele passe na frente. Sim, até eu quero que meu filho passe na frente. Mas será que não seria muito mais bonito e justo que ele passasse na frente com aqueles que largaram junto com ele. Porque dessa forma sim, o talento e o dom ou até mesmo apenas o esforço valeria a pena.
O governo precisa reformular melhor seus conceitos. Sim,eu quero os vencedores que o capitalismo tem a intenção de criar, mas que todos tenha as mesmas condições de ser esta cria.


PS: Sempre que puder voltarei.

Ghost Grey disse...

Existem sabores no universo que somente capricornianos possuem a virtude de sentir.

Jose disse...

De capricorniano para capricorniano:

Como vencer a teimosia de uma capricorniana q ainda te ama mas não quer dar o braço à torcer?